ESTUDO EPIDEMIOLÓGICO DOS CASOS DE SUICÍDIO, REGISTRADOS NO INSTITUTO MÉDICO LEGAL DE SANTA MARIA, RS

Mauro Cabrera Ambros, Anderson Recchia, Jéferson Ambros Recchia

Resumo


RESUMO

Foram abordados retrospectivamente 431 casos de vitimas de suicídio, submetidos à necropsia junto ao Instituto Médico Legal de Santa Maria – RS. Esses dados foram obtidos dos arquivos do referido Instituto. Verificou-se posteriormente que o meio mais utilizado foi o enforcamento (56,55%), o estado civil mais afetado foi o de casados (38,00%), com predomínio do sexo masculino (86,45%), a faixa etária mais freqüente foi de 45 – 49 anos (10,45%) e a profissão mais encontrada foi de agricultores (26,46%).

Palavras chave: Suicídio, Necropsias, Idade

 

 

 

 

 

 

EPIDEMIOLOGICAL STUDY ON SUICIDE CASES, RECORDED AT THE INSTITUTO MEDICO LEGAL OF SANTA MARIA, RS.

 


We analyzed retrospectively the records of 431 cases of suicide victims, who were autopsied, at the Instituto Médico Legal of Santa Maria – RS, between 1990 and 2000. The most prevalent suicide method was hanging (56.55%). The demographic variables showed that suicide was more frequent between ages 45 and 49 (10.45%), in male (86.45%), married people (38.00%) and farmers (2646%).

 Key Words: Suicide, Autopsies, Age

 

  

Texto completo: PDF

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

Acessos desde 08/08/2013.

 

 

 

Indexadores

LATINDEX, Sumários.org

Contato

Av Roraima, 1000, Prédio 26, sala 1205/1201 | Cidade Universitária, Universidade Federal de Santa Maria
Bairro Camobi, Santa Maria, RS, Brasil, 97105-900 | Fone: (55) 3220 8751 / ramal: 8464

 

Versão online eISSN 2236-5834

Versão impressa ISSN 0103-4499

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 2.5 Brasil.