Cuidados de enfermagem à pessoa com esquizofrenia: revisão integrativa

Franciele Roberta Cordeiro, Marlene Gomes Terra, Diéssica Roggia Piexak, Gabriela Zenatti Ely, Fernanda Franceschi de Freitas, Adão Ademir da Silva

Resumo


Objetivo: identificar a produção científica sobre os cuidados de enfermagem à pessoa com esquizofrenia e sua família. Método: trata-se de uma revisão integrativa realizada nas bases de dados BDENF, LILACS e Scielo, a partir dos descritores “enfermagem” e “esquizofrenia” com uma delimitação temporal de dez anos, 1999-2009. Resultados: após a análise dos dados, emergiram duas categorias temáticas: a necessidade da enfermagem investir em abordagem grupal e comprometer-se nas ações de educação em saúde. Conclusão: existem lacunas no cuidado de enfermagem à pessoa com esquizofrenia e sua família, evidenciando-se a necessidade de planejamento e investimentos nas abordagens grupais. Além disso, ainda é perceptível, a fragilidade relacionada à re-inserção socioeconômica da pessoa com esquizofrenia, denotando a necessidade de investimentos e a atuação da equipe de enfermagem na reabilitação de saúde e social dessas pessoas.

Palavras-chave


Enfermagem; Saúde mental; Educação em enfermagem; Transtornos mentais; Esquizofrenia

Texto completo: PDF



ISSN da publicação eletrônica: 2179-7692


Licença Creative Commons
This obra is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas 3.0 Unported License