Caracterização de crianças em tratamento cirúrgico em um hospital escola no sul do Brasil

Andressa da Silveira, Eliane Tatsch Neves, Anaiara Fortes Famoso, Joanita Cechin Donaduzzi, Carolina Frescura Junges, Kellen Cervo Zamberlan

Resumo


Trata-se de um estudo descritivo, quantitativo e retrospectivo que teve por objetivo caracterizar crianças submetidas a tratamento cirúrgico em um hospital de ensino no sul do Brasil. Por meio da análise documental foram analisados os prontuários das crianças que internaram no Hospital Universitário de Santa Maria (HUSM) no período de janeiro a dezembro de 2006, totalizando 107 prontuários. Os dados foram submetidos a análise estatística simples. Constatou-se que a maioria das crianças internadas no período eram do sexo masculino, estavam em idade escolar e eram procedentes da região central do Rio Grande do Sul, sendo o diagnóstico mais comum as apendicites agudas. A média de dias de internação ficou em torno de cinco dias. 88% das crianças tiveram a mãe como principal cuidadora. Por fim, recomenda-se atenção da equipe de enfermagem em relação à quantidade e qualidade dos registros nos prontuários.

Palavras-chave


Enfermagem pediátrica; Cuidados de enfermagem; Saúde da criança; Procedimentos cirúrgicos operatórios.

Texto completo: PDF



ISSN da publicação eletrônica: 2179-7692


Licença Creative Commons
This obra is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas 3.0 Unported License